Desmame ventilatório: Tubo T ou Pressão suporte?

Compartilhar

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

A intubação traqueal permite a adaptação do suporte ventilatório para pacientes com incapacidade de manutenção adequada da ventilação, constituindo um tratamento padrão de suporte de vida.

Já o desmame da VM pode ser definido como um processo de interrupção abrupta ou gradual do suporte ventilatório. Dois grandes estudos multicêntricos demonstraram que por volta de 75% dos pacientes com a causa respiratória resolvida podem ter seu suporte ventilatório interrompido de forma abrupta, o restante necessita de retirada gradual e planejada do suporte ventilatório. O desmame é classificado como simples, difícil e prolongado.

O desmame implica em duas fases distintas: uma de descontinuação do suporte ventilatório e outra de remoção da via aérea artificial. Temos duas formas de desmame ventilatório: Tubo T e Modo Pressão Suporte (PSV).

Tubo T:

O tubo T é realizado com uma peça em forma de T que é conectado acoplada ao tubo endotraqueal. Desta maneira o paciente realiza o ciclo ventilatório sem o uso da pressão positiva. Utilização de 30 a 120 minutos sempre observando se ocorre aparecimento de sinais de fadiga. Quando o paciente for capaz de respirar espontaneamente por duas horas consecutivas é evoluído a extubação.

Modo PSV:

Utilização do modo espontâneo com parâmetros mínimos de PSV de 7 cmh20, F102 de 30 a 40 %, PEEP 5 a 8 cmh20, sem apresentação de sinais de fadiga respiratória. Esse modo de desmame ventilatório deve ser utilizado de 30 a 120 minutos. Apresenta como vantagem o manejo do profissional e do paciente.

Na prática clínica o profissional encontra as duas opções. Nos artigos e evidências científica não há superioridade entre as técnicas na escolha do desmame ventilatório, apesar de encontrarmos o modo PSV como forma mais utilizada nas Unidades de Terapia Intensiva (UTIs).

 

Referências:

BARBAS, C.S.V; ÍSOLA, A.M; FARIAS, A.M.C. Diretrizes Brasileiras de Ventilação Mecânica. Paciente com Desmame Prolongado. AMIB / SBPT. p. 115-118. 2013.

BLACKWOOD, B; ALDERDICE, F; BURNS, K; CARDWELL, C; LAVERY, G; O’HALLORAN, P. Use of weaning protocols for reducing duration of mechanical ventilation in critically ill adult patients: Cochrane systematic review and meta-analysis. British Med J. v.342, p.7237, 2011

 

Veja Também

Anatomia e Fisiologia

Parte II- A memória muscular

A memória é um processo em que a informação é codificada, armazenada e recuperada.  A memória relacionada a musculatura pode fazer com que em pessoas